terça-feira, 30 de dezembro de 2008

A culpa é do governo!...?

Vocês não acham interessante o fato de a solução acreditada ser pelas massas para as misérias/catástrofes/tragédias que acontecem no mundo é simplesmente um governo menos corrupto? O socialismo, o comunismo, qualquer coisa que tire o foco do dinheiro? Porque o capitalismo é injusto, poucos têm muito e muitos têm pouco e os poucos que tem muito ganham ainda mais e os muitos que tem pouco perdem ainda mais? Me desculpe a pergunta, mas você acha que esse fato é realmente culpa do governo?


Vamos ver. O avô de Joãozinho e Mariazinha deu R$ 100,00 para cada um dos dois. Joãozinho comprou um jogo de videogame por R$50, e guardou os R$ 50 restantes em seu cofrinho. Mariazinha achou um vestido que custava justamente os R$ 100 recebidos, gastou. No mês seguinte, o avô deu novamente R$ 100,00 para cada um. Joãozinho gastou R$80, e Mariazinha gastou R$ 120...ops, agora Mariazinha está devendo e Joãozinho tem dinheiro sobrando...a culpa foi do governo?


Mariazinha passou os anos estudando para ir bem na escola, fez cursos de inglês porque sabia que era uma exigência do mercado de trabalho atual, fez curso de informática, se esforçou e entrou para faculdade, por outro lado, Joãozinho só tirava notas vermelhas, e depois da escola ficava vadiando o tempo todo, não quis ir para a faculdade. Mariazinha conseguiu um emprego numa multi-nacional de muito prestígio, Joãozinho foi recusado porque não tinha muito conhecimento sobre quase nada, mas conseguiu um emprego de auxiliar de pedreiro numa construtora. Mariazinha continuou estudando e se dedicava ao trabalho, conseguiu uma promoção e com isso, um salário de peso. Joãozinho fazia apenas o trabalho dele, não conseguiu evoluir e portanto, não tinha um salário muito gordo. Culpa do governo?


Não me venha dizer que só porque eu sou paty eu tive oportunidades na vida! Me desculpe, mas essa desculpa já está furada. Hoje em dia, existem cursos de tudo totalmente de graça e uns são exclusivos para pessoas que não têm um poder um aquisitivo muito grande. O projeto amigos da escola, por exemplo, oferece cursos dos mais variados e dão o material ainda por cima, mas entre na escola no sábado para ver se tem alguém aproveitando a oportunidade? Eu tive - e quis- que fazer um curso de padaria nesse projeto na escola em frente à minha casa, pois senão minha amiga perderia o programa dela e teria que começar a pagar a faculdade. Olha só. As pessoas que precisavam tirar algum proveito dessa oportunidade estavam muito ocupadas reclamando do governo enquanto ele colocou vários programas para que a população mais carente possa estudar, aprender algo com que ela possa ter alguma renda. Veja esse amigos da escola que legal: um voluntário se predispõe a ensinar algo que outra pessoa possa usurfruir para ganhar algum dinheiro - sem custos adicionais - e esse voluntário ainda ganha o ensino superior enquanto estiver no programa, você só tem que sacrificar seus finais-de-semana tanto para ensinar, quanto para estudar, só isso já causa horror nas pessoas "eu, perder meu final-de-semana para ficar na escola ensinando? Jamais! - eu sou tão defensora da diversão quanto ninguém, mas quando a gente precisa de algo, alguns sacrifícios tem que ser feitos, não?

Eu sei, eu sei, os políticos são corruptos, e as coisas podiam ser melhores se quem nos governasse estivesse interessado em algo a mais que seu próprio nariz e seu bolso, e existem muitos programas furados e ridículos circulando por aí, mas o que eu estou querendo dizer é que nós saibamos aproveitar as coisas e parar de sempre pôr a culpa nos outros, sentir inveja dos mais afortunados e querer que alguém chegue e dê dinheiro na sua mãozinha enquanto você está sentado no sofá sem fazer nada só porque existe gente mais rica que você.